03/07/1552: Mandado para Brás Alcoforado executar dívidas de Sua Aleteza na Capitania de Pernambuco

14/09/1551: Título de Registro dos Mandados de Pagamentos e de outras Despesas: nº 783
18/11/2015
Diario da navegação da armada que foi á terra do Brasil – em 1530 – sob a capitania-mor de Martim Affonso de Sousa, de Pero Lopes de Sousa
18/11/2015

Referência

DOCUMENTOS Históricos. Mandados, Alvarás, Provisões, Sesmarias, 1549-1553; Cartas dos Governadores Geraes, 1692-1698. Vol. XXXVIII. Rio de Janeiro: Biblioteca Nacional. 1937, p.205. Disponível em: . Acesso em: .

Créditos

Acervo Biblioteca Nacional

Encontrou um erro?

 
Compartilhe:

03/07/1552: Mandado para Brás Alcoforado executar dívidas de Sua Aleteza na Capitania de Pernambuco

Versão 11DOCUMENTOS Históricos. Mandados, Alvarás, Provisões, Sesmarias, 1549-1553; Cartas dos Governadores Geraes, 1692-1698. Vol. XXXVIII. Rio de Janeiro: Biblioteca Nacional. 1937, p.205.:

A três de Julho de mil quinhentos, e cinquenta, e dois [1552] passou o Provedor-mor mandado para Brás Alcoforado executar das dívidas de Sua Alteza na Capitania de Pernambuco que tanto que chegasse à dita Capitania requeresse; e executasse em Lopo Gonçalves morador na dita Capitania, que serviu de Feitor na Capitania do Espirito Santo por falecimento de Ambrosio de Meira cinco mil trezentos e noventa réis, que ficou devendo ao dito Senhor do tempo, que serviu o dito Ofício o ano de quinhentos, e quarenta, e sete, os quais faria Carregar em Receita sobre si pelo Escrivão de seu Cargo, e lhe passaria conhecimento nas Costas dele de como recebeu a dita soma para sua guarda.

Versão 22DOCUMENTOS Históricos. Mandados, Provisões, Doações, 1551-1625. Vol. XIV. Rio de Janeiro: Biblioteca Nacional. 1929, p.391.:

A três de Julho de mil quinhentos, e cinquenta, e dois [1552] passou o Provedor-mor mandado para Brás Alcoforado executor das dividas de Sua Alteza na Capitania de Pernambuco, que tanto que chegasse a dita Capitania requeresse, e executasse em Lopo Gonçalves morador na dita Capitania, que serviu de Feitor na Capitania do Espirito Santo por falecimento de Ambrosio de Meira cinco mil trezentos e noventa reis, que ficou devendo ao dito Senhor do tempo, que serviu o dito Ofício o ano de quinhentos, e quarenta, e sete, os quais faria carregar em Receita sobre si pelo Escrivão de seu cargo, e lhe passaria conhecimento nas costas dele de como recebeu a dita soma para sua guarda.

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.